O conhecimento que você tem conduz as suas atitudes, e suas atitudes determinam onde você está. Assim, podemos afirmar que estamos constantemente buscando novos conhecimentos porque apenas não estamos onde gostaríamos de estar por não saber como chegar lá (se soubéssemos, já estaríamos). 

O curioso é perceber que o desafio atualmente não é encontrar informação, mas sim filtrar as informações disponíveis. Infobesidade é o termo para o excesso de conteúdo que precisamos administrar nos dias de hoje. 

Há um caminho para resolver isto. 


Centro de Scottsdale, Arizona, EUA
Abril de 2018 


Após a imersão sobre Persuasão com o Dr. Robert Cialdini, encontrei no final de semana com meu amigo Vinicius Amorim, hoje executivo na Price Waterhouse Coopers, em Dallas-Texas. Ele voou até Phoenix e passamos um dia juntos. 

Lembro que em uma das nossas conversas eu estava falando do treinamento, até que ele pediu para ir ao banheiro. Naqueles minutos em que estive só, uma coisa passou pela minha cabeça – estava eu ali, empolgado, falando do conteúdo de um treinamento caríssimo, para o qual eu havia me deslocado por horas de viagem, deixando minha mulher e filho recém nascido, mas todo aquele conteúdo estava (provavelmente) disponível na internet. Pior – gratuitamente. Fazia sentido?

Como eu poderia estar satisfeito em incorrer em tanto esforço, por algo que eu poderia encontrar gratuitamente a partir da minha casa? 

Eis o poder da curadoria. 

Todo o conteúdo de "tudo", está disponível gratuitamente para todos no mundo inteiro. Esta é a dinâmica atual. 

Sendo que, na era do excesso de informação, nunca foi tão importante filtrar quais conteúdos iremos consumir em nosso tempo cada vez mais escasso. 

Aqui temos a resposta do porquê de cada vez mais falarmos em mentores. 

Mentores fazem exatamente isso – por terem adquirido vasta experiência em áreas que aspiramos desenvolvimento, estamos dispostos a pagar caro para economizar tempo e direcionar energia para aquilo que interessa, evitando excessos. Ou seja, um mentor é também, um curador. 

Todo o conteúdo que encontrei na Imersão do Dr. Cialdini está disponível de alguma forma na internet. Todavia, quanto tempo eu levaria para encontrar e organizar tudo de forma estruturada? 

Neste caso, a verdade é que eu paguei pela curadoria de alguém que dedicou anos de vida para desenvolver inteligência em uma determinada área do conhecimento. 

Vale o investimento de não precisar fazer o mesmo, não precisar investir tanto tempo (correndo o risco de errar), pra consumir as percepções dele sobre os pontos centrais daquele assunto. 

Em breve irei fazer o lançamento da principal solução da história da Empreender Dinheiro, que será também a principal obra da minha vida até então. Algo que estamos planejamento há tempos. 

São mais de dez anos estudando sobre Finanças, trabalhando na área, palestrando sobre o tema, levando pancada, fazendo eventos Ao Vivo, me expondo ao me deparar com perguntas para respostas que eu não tinha, o que me fez estudar ainda mais... 

Estou prestes a iniciar um retiro intelectual de um mês onde não vou sair nem beber – ficarei sentado em uma sala com quatro paredes, sozinho. Estamos falando de um mês de dedicação e concentração absoluta para desenvolvimento de um material exclusivo, depurando aquilo que acredito ser mais relevante sobre a pauta que irei versar neste material que será construído. 

Não tenha dúvidas que o resultado desta nova obra será tremendo. 

As pessoas que acessarem esta obra estarão, mesmo que inconscientemente, adquirindo uma profunda curadoria. 

Uso a Carta de hoje para evidenciar a importância de buscar pessoas que podem curar conteúdo para você. Isto pode representar um enorme atalho

É muito comum eu escutar das pessoas: "cara, admiro muito o seu trabalho". 
Mas é muito raro escutar: "cara, qual fonte você bebe?" ou "o que você indica?".

Lição de hoje – incorpore o hábito de perguntar para quem você admira I) quais são as suas referências e II) o que elas recomendam. 

Simples, mas extremamente poderoso. 


Seguimos juntos.
Continuo na torcida pelo seu sucesso. 

Forte Abraço,
Arthur Lemos.

________________

Você quer receber a Carta do Fundador diretamente em seu e-mail?

Clique AQUI e inscreva-se!